domingo, 25 de maio de 2014

A rapariga da baixa

Esta sessão não foi planeada. Fomos dar uma volta e eu acabei por tirar a câmara da mochila. Uma coisa levou à outra e, de repente, estávamos a fotografar aqui e ali. Foi bastante interessante, fotografar pela baixa do Porto e terminar na zona da ribeira a explorar portas e escadas recondidas. Já tinhamos combinado uma sessão, que eu espero se venha a realizar mais tarde, mas nada deste género. Uma boa surpresa, eu diria.
Como a primeira rapariga de cabelo loiro que fotografei, não pude deixar de tentar convencê-la a pintá-lo de ruivo. Caso isso venha a acontecer, ficou combinado que as primeiras imagens seriam minhas. Vamos esperar para ver! Até lá, podem ver aqui esta sessão improvisada.